Home » FGTS » Auxilio Brasil novos pagamentos, veja o calendário

Auxilio Brasil novos pagamentos, veja o calendário

18 de maio de 2022

Auxilio Brasil novos pagamentos, veja o calendário

O parcelamento de maio da Auxílio Brasil começa nesta quarta-feira, 18. De acordo neste mês, ligeiramente acima de abril, quando 18,06 milhões de famílias receberam um benefício mínimo de 400 reais.

Confira abaixo o cronograma de pagamentos do Auxílio Brasil para maio, os critérios de adesão ao programa e outros detalhes importantes.

Calendário da Ajuda Brasil para maio

Os pagamentos do Auxílio Brasil são efetuados com base no final do Cadastro Social (NIS) do beneficiário, iniciando com 1 no final e terminando com 0 no final. um exame:

  • NIS Finales 1: 18/05
  • NIS Final 2: 19/05
  • NIS Finales 3: 20/05
  • NIS Finales 4: 23/05
  • NIS que termina em 5: 24/05
  • NIS que termina em 6: 25/05
  • NIS que termina em 7: 26/05
  • NIS que termina em 8: 27/05
  • NIS que termina em 9: 30/05
  • NIS terminado em 0: 31/05

Auxilio Brasil: como conseguir?

Grande parte dos beneficiários do Auxílio Brasil vem automaticamente do Bolsa Família. Além disso, o governo seleciona continuamente novas famílias por meio do CadÚnico, banco de dados utilizado para distribuição de benefícios sociais.

Portanto, para começar a receber, é necessário se cadastrar no CadÚnico ou renovar o cadastro. Lembre-se, o cadastro deve ser atualizado pelo menos a cada dois anos.

Esses procedimentos acontecem no CRAS ou na prefeitura de sua cidade. No entanto, quando a situação familiar não mudou, ela pode ser atualizada por meio do aplicativo CadÚnico.

Padrões de Auxilio Brasil

Além da renovação do cadastro no CadÚnico, devem ser atendidas as seguintes condições:

  • Renda domiciliar per capita mensal de até R$ 105 (faixa de pobreza extrema);
  • A renda familiar está de R$105,01 a R$ 210 por mês (faixa de pobreza) e pelo menos uma integrante grávida, menor ou menor de 21 anos frequenta o ensino fundamental.
  • Esses critérios permitem o acesso aos benefícios básicos do programa, que têm valor mínimo de R$ 400. Mas além disso, há benefícios complementares, como a Bolsa Startup Ciência, que tem critérios mais específicos e pode ser paga acima de R$ 1.000 por mês.

Relacionados

Deixe seu comentário

© 2022 - Renda e Dinheiro – Tudo Sobre Finanças