Home » Aposentados » Folha de pagamento do INSS: Novas regras se aplicam a partir de janeiro

Folha de pagamento do INSS: Novas regras se aplicam a partir de janeiro

4 de janeiro de 2022

Folha de pagamento do INSS: Novas regras se aplicam a partir de janeiro

Folha de pagamento é o tipo de crédito mais utilizado por aposentados, pensionistas do INSS e servidores públicos.

Quem utiliza esse tipo de empréstimo deve ficar atento que as novas regras serão aplicadas a partir de 1º de janeiro de 2022. Se precisar desse dinheiro extra em condições mais favoráveis, só poderá fazer o pedido até sexta-feira (31).

 

Ver alterações a partir de 2022

A partir de janeiro haverá uma alteração na margem consignável, que atualmente é de 40% e diminuirá novamente para 35%. Hoje, ao solicitar um empréstimo salarial, você tem um limite de 40%, então o segurado pode usar 35% do seu rendimento no empréstimo e outros 5% no cartão de crédito.

A partir do ano que vem, o limite é de 35%, podendo o aposentado gastar 30% de sua renda com o empréstimo do salário e outros 5% no cartão de crédito.

 

Note que podem haver alterações no número bem como nas taxas do contrato. De acordo com a Lei nº 14.131, que aumentou a margem para 40%, o parcelamento pode ser feito em sete anos (84 meses), mas a regra deixa de ser aplicável a partir de 31 de dezembro de 2021.

A norma praticada pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) prevê o parcelamento de seis anos (72 meses), que deve entrar em vigor a partir de 1º de janeiro.

 

O prazo também é. Espera-se que o período de carência seja alterado. Atualmente, a exigência é de até 120 dias, que bancos e instituições financeiras permitem para contratos novos e antigos com franquia.

Esse tipo de período de carência é opcional; o banco deve concordar em pausar o pagamento.

Portanto, a partir de 31 de dezembro deste ano, você precisará verificar se o banco ainda oferece o período de carência de 120 dias e ficar atento se começar a pagar por esse período se não houver juros ou qualquer tipo de alteração no Valor Contratado, por causa de taxas de juros mais baixas e prazos de pagamento mais longos.

 

Folha de Pagamento possibilita ao usuário pagar o valor das parcelas por meio de desconto automático, diretamente no contracheque ou no benefício do INSS.

Quem pode definir a folha de pagamento?

Aposentados e pensionistas do INSS;

Funcionários públicos (governo federal / SIAPE, estados e municípios);

Militares das Forças Armadas e Trabalhadores em empresas privadas.

Relacionados

Deixe seu comentário

© 2022 - Renda e Dinheiro – Tudo Sobre Finanças