Home » Pis/Pasep » PIS/PASEP será pago em 2022? Ou é o fim do programa?

PIS/PASEP será pago em 2022? Ou é o fim do programa?

29 de outubro de 2021

Devido às mudanças no recolhimento do PIS/PASEP, é crescente a expectativa dos beneficiários em saber como será paga. Por esse motivo, uma das principais dúvidas dos trabalhadores é quanto ao valor do PIS / PASEP 2022.

Além disso, muitos também esperam o abono de dois anos, já que o pagamento será feito no ano base 2020 que deveria ter começado em julho deste ano adiado para o próximo ano. Então veja o quanto você pode conseguir abaixo.

Quando será pago o abono salarial em 2022?

O governo federal, em conjunto com o Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (CODEFAT), decidiu migrar para o PIS / PASEP -Plano de Pagamento para pagamento do Auxílio Trabalho e Renda (BEm), que será pago a trabalhadores este ano devido à pandemia. Com isso, o recolhimento do PIS / PASEP foi postergado para o ano base 2020.

O novo calendário do PIS / PASEP 2021 ainda não foi publicado, mas para regulamentar essa alteração, a Resolução nº 896 / 2021, que estabelece que os dados estarão disponíveis em janeiro de 2022. Eles serão divulgados pela Caixa Econômica Federal, responsável pela gestão do recolhimento do PIS aos trabalhadores das empresas privadas.

No caso do PASEP, que também anunciará as datas, é o Banco do Brasil quem efetua o pagamento aos servidores. Porém, a previsão é que o pagamento seja feito a partir de fevereiro de 2022 e se estenda até o mês de dezembro para todos os colaboradores.

Qual será o valor do PIS/PASEP 2022?

O valor do PIS / PASEP 2022 a pagar aos empregados leva em consideração a nova projeção do governo federal para o salário mínimo a ser pago no próximo ano de R$ 1.192. O aumento deveu-se à alta da inflação e do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

Quando essa previsão se tornar oficial, o valor do PIS/Pasep 2022 pode variar entre R$ 99,33 e R$ 1.192. Para saber quanto você pode conseguir, veja abaixo quais são os valores para o período trabalhado no ano base:

  • 1 mês: R$ 99,33
  • 2 meses: R$ 198,66
  • 3 meses: R$ 298,00
  • 4 meses: R$ 397,33
  • 5 meses: R$ 496,33
  • 6 meses: R$ 596,00
  • 7 meses : R$ 695,33
  • 8 meses: R$ 794,66
  • 9 meses: R$ 894,00
  • 10 meses: R$ 999,33
  • 11 meses: R$ 1.092,66
  • 12 meses: R$ 1.192,00

Mas atenção: essa estimativa é baseada no pagamento do PIS / PASEP-base 2021. Quanto ao pagamento que deveria ter sido feito neste ano, originalmente os trabalhadores elegíveis para o abono 2020 deveriam receber o PIS / Pasep com base no atual salário mínimo, que é de R$ 1.100. Nesse caso, os valores que os trabalhadores podem receber variam de R$ 92 a R $ 1.100.
O governo federal ainda não definiu qual salário-base será usado para o cálculo. Porém, como esse benefício não foi pago, existe a possibilidade de que esse abono passe na nova correção do salário mínimo em 2022. No entanto, o valor exato não será divulgado até janeiro, quando o governo determina quais são os novos terrestres do ano. vai ser.

PIS/PASEP serão pagos em 2022?

Com o adiamento do PIS / PASEP 2021 os trabalhadores querem saber se poderão receber os dois pagamentos no próximo ano, que vão aumentar ainda mais o valor total do PIS / PASEP em 2022. Porém, é importante ressaltar que o o status do certificado ainda depende de futuras consultas ao CODEFAT, que é responsável por determinar o prazo de validade de cada calendário de certificado.

Portanto, deve ser esclarecido que apesar do pagamento conjunto do adiantamento não há confirmação do governo. No entanto, se isso for confirmado, os trabalhadores que trabalharam com carteira de trabalho assinada em 2020 e 2021 poderão receber até dois salários mínimos.

Quem tem direito ao PIS 2022?

É importante ressaltar que mesmo com as mudanças no PIS / PASEP, as regras que garantem o recebimento do abono salarial não foram alteradas. Portanto, os trabalhadores interessados ​​no benefício devem comprovar que atendem aos seguintes requisitos:

    • estar cadastrado no PIS / PASEP há, no mínimo, cinco anos
    • receberam um salário médio mensal de pelo menos dois salários durante o ano base
    • ter prestado trabalho remunerado para pessoa colectiva durante pelo menos 30 dias do ano base, podendo ser consecutivos ou não
    • seus dados do empregador (pessoa jurídica) no relatório anual de informações sociais (RAIS) / eSocial
    • Para confirmar se tem direito ao benefício, o empregado pode fazer a solicitação pelo site da Caixa Econômica Federal www.caixa.gov.br e pelo aplicativo Caixa Trabalhador. Para isso, tenha
    • seus documentos pessoais prontos e cadastre-se na plataforma

Os servidores públicos devem, por sua vez, acompanhar a liberação do pagamento do PASEP pelos canais de comunicação virtuais do Banco do Brasil além dos telefones: 4004-0001 (capitais e regiões metropolitanas) e 800 729 0001 (outras cidades).

Relacionados

Deixe seu comentário

© 2021 - Renda e Dinheiro – Tudo Sobre Finanças