Home » Aposentados » Prova de Vida do INSS saiba como evitar cair em golpes

Prova de Vida do INSS saiba como evitar cair em golpes

9 de março de 2022

INSS: Golpe de Prova de Vida Roubando Dados de Usuário; Saiba como se Proteger INSS alerta para golpe envolvendo prova de vida, o processo não é mais realizado presencialmente. Caso um segurado receba uma solicitação de envio de documentos relacionados à comprovação de vida, o INSS esclarece que se trata de uma farsa e orienta o que fazer.

Dê uma olhada abaixo. No mês passado, uma portaria do instituto acabou com a necessidade de os beneficiários fornecer certidões de vida, processo que ocorre todos os anos.

Os bancos de dados de vários órgãos governamentais agora serão cruzados para provar que o segurado está vivo. Por exemplo, os registros de vacinação do Ministério da Saúde estão sendo usados.

No entanto, são inúmeros os relatos de contato com segurados via SMS, WhatsApp, telefonemas, e-mails e até cartas para envio de informações e documentos para comprovação de vida. A intenção dos delinquentes é ganhar ganho financeiro com os dados obtidos.

O INSS deixa claro que a comprovação de vida não será mais realizada pessoalmente, e não solicitará documentos ou quaisquer outros procedimentos relacionados pelos canais mencionados.

A comunicação com o INSS é sempre pelos canais oficiais, ou seja, pelo telefone ou pelo portal meu INSS 135. O Instituto só pode enviar mensagens de texto através do número 280-41.

Se um beneficiário for prejudicado por um golpista, é aconselhável abrir um B,O urgente na polícia.

A prova de vida acabou?

A prova de vida tem sido fortemente criticada pelos beneficiários do INSS, muitos deles com idade avançada. A expectativa é que o fim da operação beneficie 36 milhões de pessoas, incluindo 5 milhões de pessoas com mais de 80 anos.

O ônus de provar que o beneficiário está vivo agora recai sobre o INSS, que usará registros de diversas bases de dados federais, estaduais e municipais.

Caso a “presença” do segurado não possa ser determinada por esses meios, será emitido um aviso um mês antes da data de nascimento do segurado, informando que é necessária a comprovação de vida. Ele pode então optar por concluir o procedimento eletronicamente ou pessoalmente.

 

Relacionados

Deixe seu comentário

© 2022 - Renda e Dinheiro – Tudo Sobre Finanças